Boca

Boca aveludada
Que desce, sobe, percorre, 
Que explora, que anseia
Que suga e engole
Presenteia                                  

Boca que fascina
Doce menina
Que simplesmente quer
Voraz mulher

Boca que sacia
Boca macia
Me deixa enlevada
Parada, travada
Largada, tarada

 



Boca gostosa
Melosa
Te quero agora
Sem hora
De te provar,
Deliciosa

Boca maldosa
Me suga
Me consome
Me diz o teu nome
Teu nome é mulhe



Poema mandado pra mim pelo casal  Veronika e Claudio
sigam eles no twitter @VeronikaClaudio  
Beijo da Loira.. 

2 comentários:

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Sou suspeita pra comentar, né??? kkkkkkkkk
Beijos, minha linda!!!

Intimo e Sigiloso disse...

Realmente Veronika tem um jeito de expressar especial!

PArabéns pelo blog.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Compartilhe

Share |

Importante

Gostaria de deixar claro que algumas imagens e alguns textos contidos neste blog são retirados da internet, se os proprietários ou donos dos direitos autorais dos mesmos, não estiverem de acordo com a sua publicação, favor entrar em contato comigo!
Agradecida loira_delicia.